tempo-para-financas

Tempo para Cuidar das Finanças

Pra começo de conversa, tempo é um recurso raro nos dias de hoje, onde a vida é muito rápida e tudo parece passar em um instante. Mas é fundamental que qualquer um reserve um tempo para cuidar do dinheiro que ganha, e embora sejam poucos os que realmente conseguem fazer isso, a dedicação a essa atividade é possível. Nesse post, eu vou te ajudar com alguns ajustes para que você entenda como encaixar esse tão precioso tempo na sua vida.

Os profissionais liberais geralmente passam grande parte do seu tempo trabalhando e fazendo dinheiro, seja para expandir seus negócios, colocar seus sonhos em prática ou pagar as contas, as horas de trabalho chegam muitas vezes a serem intensas. Não é problema trabalhar intensamente, já que mais do que nunca, tempo é dinheiro, mas o problema se apresenta quando o trabalho intenso é a regra, quando são longas e incessantes jornadas contínuas. E talvez aqui esteja a raiz das suas dificuldades financeiras, vamos descobrir?

  • Tenho tempo para outras coisas, mas não para as finanças… Praticar exercícios, fazer compras, terminar aquela série de seis temporadas, começar um novo hobby (jardinagem, fotografia, cerâmica), passar um tempo com a família, etc. Quer dizer que você tem tempo para tudo isso na agenda, mas não para cuidar das suas finanças? Talvez seu problema seja receio ou medo dos números, talvez seja um pouco tedioso pra você, ou talvez você pense que é complicado demais? Bom, não deveria e não precisa ser! Se o problema é esse, aqui no blog e nos meus outros canais, eu dou uma série de dicas em vídeos curtos e simples sobre como cuidar do seu dinheiro!
  • Não tenho tempo para nada a não ser o trabalho! Aqui a situação é um pouco mais complicada, pois a falta de tempo é real, aquela coisa do trabalho incessante que eu mencionei ali em cima é a principal causa disso. Aqui eu também forneço uma solução para você conseguir dar uma olhada nas contas e se organizar melhor. A chave é entender o ciclo de não ter tempo para nada e começar por cuidar das finanças. Deixe as outras atividades para depois, comece pelas finanças pois o principal motivo da maioria das pessoas que trabalha incessantemente é o de que não tem dinheiro suficiente para algo.

Nesse segundo caso de “trabalho pois não tenho dinheiro suficiente”, a situação pode ser revertida se você começar a tomar conta dos seus gastos, começando por conhecê-los. Se você sabe com o que gasta, é mais fácil reduzir esses gastos e por consequência vai ter de trabalhar menos para cobri-los.

Essa troca pode parecer complicada a princípio, mas faça o teste, comece aos poucos, entenda seus gastos e seu dinheiro, cuide das finanças, dê uma olhada nas suas contas, reserve um tempo pra se entender, se conhecer e saber de fato porquê trabalha tanto e pra onde vai o seu tempo e seu dinheiro. Quem sabe depois disso sobre uma hora desse trabalho que dê para ser trocada por uma hora fazendo outra coisa que você gosta.

Compartilhe o artigo nas suas redes sociais.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Vinicius Machado

Vinicius Machado

Economista pela Federal do Rio Grande do Sul e com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro. Durante a minha carreira sempre me encantei com atendimento direto às pessoas e aprendi a pensar as finanças além dos números, afinal, indivíduos não se resumem em suas metas e rentabilidades.

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *